.:: Profissionais | Estudantes | Científicos | Diversos | Resumos | Monografias | Publique |
           
 

.:: RELAÇÕES ENTRE PROCESSOS COGNITIVOS E LINGÜÍSTICOS: TERAPIA FONOAUDIOLÓGICA PARA ADOLESCENTE SURDO, DENTRO DE UMA VISÃO SÓCIO-ANTROPOLÓGICA

Autora: Mila Weissbluth Frejman
Data do artigo: junho de 1998
CRFa 6813
Especialista em Reabilitação em Fonoaudiologia - Linguagem.

PLANEJAMENTO TERAPÊUTICO

O planejamento terapêutico foi elaborado com base nos dados coletados da anamnese e das avaliações realizadas, levando-se em conta as necessidades e características pessoais do paciente.

1. Objetivos Gerais

Estruturar a linguagem oral e escrita;
Relacionar os aspectos cognitivos e lingüísticos, fazendo associações entre significado/significante;
Desenvolver as funções psiconeurológicas, subjacentes a linguagem;
Estimular as percepções visual e auditiva;
Desenvolver a fala, através do desenvolvimento das funções de respiração, ressonância e da articulação;
Desenvolver a expressão oral e a leitura orofacial;
Conscientizar o paciente a respeito da utilidade da audição;
Orientar e informar os pais, desenvolvendo um trabalho paralelo em relação à fonoterapia.

2. Objetivos Específicos

Desenvolver os aspectos semânticos e sintáticos da linguagem;
Estabelecer interações eficazes, através do diálogo;
Reconstruir os aspectos dialógicos, regentes da interação entre terapeuta/ paciente;
Favorecer o desenvolvimento das relações entre significado/significante, associando conceito e imagem acústica;
Favorecer a produção e interpretação de textos;
Estimular a introjeção das noções espaciais e temporais;
Estimular a localização e a discriminação de sons e proporcionar associações entre percepções auditivas e visuais;
Adequar funções estomatognáticas: tônus, mobilidade e postura dos órgãos fonoarticulatórios;
Organizar sistema fonológico;
Oferecer situações que possibilitem a leitura orofacial;
Estimular o uso do aparelho auditivo;
Esclarecer os pais quanto aos objetivos e procedimentos realizados na fonoterapia;
Orientar os pais quanto às possíveis condutas que contribuirão para o desenvolvimento lingüístico do paciente.


Index | Introdução | Dados de Identificação do Paciente
História Clínica do Paciente | Avaliação | Hipótese Diagnóstica | Etiologia
Fundamentação Teórica | Planejamento Terapêutico
Tratamento Fonoaudiológico | Evolução
Prognóstico | Conclusão | Bibliografia

 

 

           
  .:: © Copyright - Todos os Direitos Reservados aos Autores
           
 
.:: Atenção: Esta área é destinada exclusivamente a profissionais e estudantes da área de saúde. As informações disponíveis são técnicas, podendo gerar interpretação incorreta para o público leigo! Para o público em geral, sugerimos que procure um Fonoaudiólogo através de nosso Guia de Profissionais.