Mercado de trabalho Sair | Tópicos | Busca
Moderadores | Editar Perfil

Fórum - Fonoaudiologia.com » Mercado de Trabalho » Mercado de trabalho « Anterior Próximo »

Autor Mensagem
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Terca, 02 de Dezembro de 2003 - 07:38 am:   

Parte da pesquisa do Grupo Catho sobre o Mercado de Trabalho em Fonoaudiologia....

"Mercado de trabalho concorrido.


Aspectos Favoráveis
Alguns campos oferecem oportunidades para profissionais desta área, como o de segurança e medicina do trabalho, onde é obrigatória por lei a realização de exames audiométricos nos funcionários expostos a qualquer tipo de ruídos, como os rodoviários, ferroviários e aeroviários. O mercado é promissor também no campo da audiologia ocupacional, no telemarketing, na fonoaudiologia hospitalar e na fonoaudiologia estética, bastante procurada por profissionais que trabalham com a voz.


Aspectos Desfavoráveis
No setor público, o mercado de atuação é restrito. "
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Domingo, 07 de Dezembro de 2003 - 08:45 pm:   

Acho que a Fonoaudiologia, pelo menos no Rio de Janeiro está com um mercado precário. São poucos os cursos e palestras oferecidos, sendo que na maioria é caro e as oportunidades são quase zero. Não se acha anúncio de procura de fonoaudiólogos nos classificados dos jornais, são raras as vezes que abre um concurso para fono. Das 21 pessoas que mantenho contato, apenas 3 estão trabalhando na área e estão relativamente satisfeitas com a profissão. 6 trabalham na área e ganham menos de 400,00 por mês (quando conseguem chegar a isso). 4 estão trabalhando em outras áreas (escritório, loja, etc) e o restante está desempregado. Sem contar com alguns que são conhecidos de amigos(as) que estão no mercado já ha algum tempo e tem 'rebolado' muito pra manter um padrão adequado. Infelizmente este é a realidade. Sabemos que a crise está geral, mas a fonoaudiologia aqui ainda não tem o reconhecimento e a procura que deveria ter.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Quarta, 10 de Dezembro de 2003 - 11:28 pm:   

Esta realidade pode ser mudada! E vai ser!!! Os fonoaudiólogo deve aprender a se projetar. As novas profissões são assim mesmo, gente! Temos 21 anos de proffisão e vejam o que já conquistamos! Não fiquem divulgando este tipo de comentário que isto só desanima as pessoas e fortalece o grupo que é contra a nossa profissão. O mercado está difícil para todo mundo. A saude no Brasil está atravessando uma fase crítica. Nos EUA a nossa profissão é supervalorizada. Então, se o país está em desenvolvimento, por que não podemos chegar lá? O que não pode é desanimar!!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

macilene
Enviado em Quinta, 11 de Dezembro de 2003 - 06:31 pm:   

oi
tambem concordo que nao podemos desaminar, eu estou na Florida, estou apredendo ingles e se deus quiser logo muito em breve, quero estar trabalhando na area. estou aqui porque nao suportaria ter feito uma faculdade com tantos sacrificios, e depois passa pelo desemprego, ou pelas condicoes que sao oferecidas as profissionais da area de saude. realmente muito vergonhoso, aqui a area de saude e muito cara, mais muito cara mesmo, nao existe planos de saude que de atendimentos 100 por cento gratis. todas sa profisoes da area de saude sao valorizada. Espero que este quadro munde no Br. Boa sorte para todos os profissionais de fonoaudiologia e areas afins, eu e vcs vamos lutar para que nossa profisao ganhem cada vez mas espaco no mundo.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sábado, 27 de Dezembro de 2003 - 01:03 am:   

Concordo q devemos projetar mais nosso trabalho e q isso vai ser mudado, mas concordo tb com a msg reclamando da falta de oportunidade pq a dificuldade está pra todo mundo e está mais critica ainda pra fono q é pouco reconhecida. Não achei q uma mensagem assim irá desmerecer a classe, mas alerta a todos para o nosso problema da grande falta de oportunidade q está "rolando" no momento e pra q o Conselho e os profissionais mudem esse quadro o quanto antes. Eu mesma to na maior dificuldade e dá vontade de chutar o balde. É uma profissão bonita demais pra ficar de escanteio. Temos q fortificar nossa amada profissão!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sábado, 10 de Janeiro de 2004 - 11:41 pm:   

Oi, me formei no final de 2002 e graças a Deus consegui logo um emprego na área.Depois de ter ficado trabalhando 06 meses como voluntária no Hospital Santa Casa de Misericórdia consegui trabalho na Universidade em que me formei e acho essa proposta muito válida, as universidades devem valorizar as "pratas da casa", é bom pra todo mundo. É uma pena que essa não seja a realidade da maioria dos fonoaudiólogos, está realmente muito difícil conseguir um emprego fixo. Um investimento em consultório é muito complicado, incerto, e os profissionais que estão somente com consultórios estão passando por sérias dificuldades. Não podemos desanimar, nossa profissão é maravilhosa e tenho certeza que em breve teremos nosso merecido reconhecimento e todos poderão atuar na profissão que escolheram e lutaram tanto para conseguir seu diploma. Vamos lutar!!!!!!!!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Segunda, 26 de Janeiro de 2004 - 01:06 am:   

ola!
realmente a fono deve aparecer mais, aqui em floripa é raro encontrarmos anúncios de empregos em jornais e muitos profissionais desvalorizando a profissão como por exemplo realizando audiometria a 1,99. è um absurdo!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

laucineia rodrigues
Enviado em Sexta, 06 de Fevereiro de 2004 - 07:13 pm:   

oi moro no PARA e me formei a 3 anos a 1 primeira turma desse estado e campo aqui AINDA esta bastante promissor trabalho em uma cidade(interior) proxima da capital e os negocios estão expandindo por aqui este ano vai ser muito bom, ou melhor ja esta sendo. DESEJO SORTE PARA TODOS OS FONOAUDIOLOGOS E DEVEMOS DIVULGAR muito nossa profissao e mostrar nosso valor para a clase médica que assim como nos necessitamos deles eles em muitos casos precisam de nossa ajuda também, pena qu nao valorizam isso. bjos.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Durva
Enviado em Segunda, 29 de Marco de 2004 - 06:39 pm:   

estou cursando o 1º período de fonoaudiologia na Faculdade São Lucas em porto Velho-RO,e estou gostando do curso. A opinião dos colegas é desanimadora, mais posso garantir que com força de vontade e paciência vamos ser vistos como uma área de profissionais excelentes. Falta divulgação? com certeza! Vamos em frente, parados nunca conseguiremos nossos ideais.
Um abraço.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Andréia Estér Puhl
Enviado em Domingo, 04 de Abril de 2004 - 04:23 pm:   

Sou estudante do curso de fonoaudiologia da UPF, e acredito que os próprios profissionais da fonoaudiologia deveriam se valorizar mais e mostrar para muitos que ainda não sabem, o que a fono faz, pois o trabalho da fono, ainda é pouco divulgado, e existe um mercado de trabalho promissor e em expansão. Beijos!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Aline Mara de Oliveira
Enviado em Sexta, 09 de Abril de 2004 - 02:37 pm:   

Sou ainda estudante e realmente concordo com as pessoas que dizem que temos que valorizar nossa profissão. Não devemos desvalorizar nossa própria profissão, cobrando preços vergonhosos para conseguir um trabalho. Devemos nos unirmos para valorizar nosso trabalho , pagando o preço que vale. Esse tipo de desvalorização, acaba desprestigiando nossa profissão!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Quarta, 14 de Abril de 2004 - 07:27 pm:   

Olá, sou recém formada em Fonoaudiologia aqui em São Paulo e o percebo agora, como o mercado está difícil. Acredito também que esta dificuldade esteja passando por outras áreas da saúde. è muito estressante e injusto não conseguir um emprego, depois de tantos sacrifícios na faculdade. mandei já diversos currículos e até agora nada. Todos lugares exigem experiência de 2/3 anos. Assim não dá!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Quarta, 26 de Maio de 2004 - 09:54 pm:   

Acho que a Fonoaudiologia é realmente DESANIMADORA! Na minha turma, c/ 27 alunos, formada em 2002 aqui no Rio apenas uns 5 conseguiram emprego na área, sendo que o vergonhoso piso salarial até agora é de R$430
NÃO EXISTE EMPREGO EM CAMPO ALGUM DA FONOAUDIOLOGIA! Essa história de nos valorizar é muito bonita no papel, mas na prática não existe!
NÃO INDUZAM NINGUÉM QUE VC GOSTA A FAZER FONOAUDIOLOGIA!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

flavia
Enviado em Sexta, 28 de Maio de 2004 - 03:56 pm:   

A qui em Brasilia o valor do curso é de R$1.015( Mil e quinze reais, o primeiro consurso para fono só tem 50 vagas, também nao se ver anuncios nos jornais. Percebo que isso está geral
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Flavia
Enviado em Sexta, 28 de Maio de 2004 - 04:57 pm:   

A qui em Brasilia o valor do curso é de R$1.015( Mil e quinze reais0), o primeiro concurso para fono só tem 50 vagas, também não se ver anuncios nos jornais. Percebo que isso está geral
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

priscila
Enviado em Sábado, 29 de Maio de 2004 - 06:40 pm:   

passei em fono recentemente estou esperando as aulas começarem.Gostaria de saber quanto custa em média montar um consultório e como anda a situação do profissional aqui na bahia .Quanto a esta profissão ser desvalorizada ,acho que isto é uma fase por qual passa todas as profissões novas,lembrem -se odontologia antes tb era muito desvalorizada e sem mercado.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Domingo, 13 de Junho de 2004 - 10:25 am:   

Sou fonoaudióloga há 5 anos, tenho especilaização na Unifesp e faço parte de ambulatórios da Unicamp. Mesmo que eu nunca tenha parado de estudar e deste vínculo com universidades conceituadas, financeiramente é desanimadora minha situação, tudo que faço é por amor á profissão, mas isso uma hora cansa.... Não acredito na valorização da profissão e quero estar enganada em relaçõa à esta opinião
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Domingo, 13 de Junho de 2004 - 06:29 pm:   

A situação está desanimadora, sim, caras colegas... mas, essa não se restringe a nossa profissão...conheço engenheiros, advogados, pedagogas que estão, ou desempregadas ou insatisfeitas com o que escolheram...
Que o curso de graduação não garante sua credibilidade no mercado, é fato. Nós sabemos que em cada área da Fono existem "subáreas", podemos assim dizer, que eu não acredito serem possíveis de estudá-las em 4 anos, mesmo com um curso integral. Se especializar, aprimorar, estar por dentro das pesquisas realizadas (e CORRER ATRÁS!!!) é necessário. NÃO FICAR RECLAMANDO E DIZENDO: "NÃO DIGA P/ QUEM VC GOSTA FAZER FONOAUDIOLOGIA" - não resolverá nossos problemas. Sabemos que existem pessoas que atuam na profissão... se existem seis que atuam, temos que, sim, parar e pensar se estamos, de fato, lutando pela nossa atuação...
Sou recém-formada, aqui em SP, em uma Universidade particular(que, aliás, tenho que pagar o FIES), não vou dizer que NUNCA pensei em atuar em outra área... Sim, já pensei... porém, NUNCA, JAMAIS, PENSEI EM ABANDONAR ESSA PROFISSÃO QUE, BEM SABEMOS, TEM GDE IMPORTÂNCIA PARA A COMUNIDADE... Vc deve conhecer alguém que precise de um fonoaudiólogo...É claro que sim!!
Lamentar... lamentar isso não gera nada!!!!
Temos que nos unir: a prefeitura abriu vagas que NÃO cobrem todas as regiões que sua cidade precisa??? Então, por que ficar de braços cruzados!!! Se não corremos atrás de nossos direitos e das necessidades da população de nossa cidade, quem vai atrás??? Os políticos???!!!! hahahaha...
BOA SORTE, ou melhor, SUCESSO, MUITO SUCESSO A TODAS AS FONOAUDIÓLOGAS!!!!

Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

tatianazuquim
Enviado em Domingo, 27 de Junho de 2004 - 07:46 pm:   

Sou Fonoaudióloga, estou atualmente morando no estado do Acre.Tenho 1 ano e meio de formada. Acho que vim pra cá meio que na ilusão, pois aqui realmente tem pouca fono, mas a população é muito pobre...e o estado não contrata ninguém, nem a prefeitura.....além do custo de vida ser altíssimo e nao ter cursos de especialização.E ainda tem a saudade da família....Mas acho que nossa classe é muito desunida, temos que nos unir e impor nosso valor!!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Diana
Enviado em Domingo, 27 de Junho de 2004 - 08:18 pm:   

Sou formanda da Univali- Biguaçu/SC, fiquei muito interessada nos assuntos que estão rolando, é bom saber o que os profissionais desta área pensam e como está o mercado de trabalho. Espero que logo que tenha meu diploma na mão possa estar atuando na área que desejo, pois também acredito que muito da nossa profissão quem faz somos nós!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Ana Carolina Santos
Enviado em Segunda, 28 de Junho de 2004 - 12:18 am:   

Sou Fonoaudióloga formada há 10 anos e hoje eu posso dizer para vcs que eu também já "ralei" muito para ter sucesso na profissão.Nunca parei de estudar. Aquela frase: o sol nasce para todos, é verdadeira. Hoje tenho meu consultório e sou concursada das forças armadas. Gosto muito da profissão e no início trabalhei como voluntária em muitos lugares. A melhor coisa que nossa classe pode fazer é se unir e mostrar p/ esses profissionais anti-éticos que cobram R$1,99 a audometria, que dessa forma, eles vão continuar ganhando pouco, pois em vez de trabalhar com mesquinharia, é melhor trabalhar com amor ao próximo e fazer um bonito trabalho voluntário. Eu garanto a vcs que o retorno vem em dobro! Hoje eu posso dizer que tenho muito orgulho da minha profissão e que estou muito feliz por ter insistido na minha carreira!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Diana
Enviado em Segunda, 28 de Junho de 2004 - 08:21 am:   

Nas cidades ou estados onde vcs estão atuando não tem sindicato de Fono? Aqui em Sta Catarina está para abrir o nosso, espero que com o sindicato tenhamos maiores e melhores condições de trabalho e reconhecimento. Alguém pode me ajudar???o que devo fazer para conseguir meu registro no conselho de Fono além de pagar! Já liguei no conselho, mandei 2 emails e até agora não obtive nenhuma resposta.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Camila
Enviado em Domingo, 04 de Julho de 2004 - 10:58 pm:   

Oi,acabei de passar para o curso de fono em Belo Horizonte, mas o mercado de trabalho me preocupa mt, ja conversei com fonoaudiologos e todos me dizem a mesma coisa, q se vc for bom no q faz conseguira emprego, mas nao acredito mt nisso conheço pessoas q estao desesperadas por emprego... Por favor me ajudem...o q faço?
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Diana
Enviado em Sábado, 10 de Julho de 2004 - 07:43 pm:   

Camila, tbm tive a mesma impressão que vc qdo entrei no curso, mas com o tempo vc vai ver que se tiver bons exemplos de professores e bons profissionais vc vai se animar e começar a pensar positivo. Isso é muito importante, pois vc só alcança o que quer qdo deseja muito.Eu estou muito feliz agora, e o segredo é nunca desistir e acreditar que se os outros que são bons podem, porque eu não posso. Ai em BH a fono é muito mais valorizada, as universidades são mais desenvolvidas, os recursos são maiores. Procure as pessoas certas, faça estágios fora da faculdade mesmo que seja sem receber, torne-se conhecida, preste atenção nos campos de trabalho. Boa sorte e lembre-se tudo que vc desejar vc vai conseguir, só depende de vc!
Um beijo
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Carina M. Luiz
Enviado em Domingo, 18 de Julho de 2004 - 02:48 pm:   

Gostaria de saber qual o valor do piso salarial de um fonoaudiólogo no momento.
Obrigado!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Regina Villela
Enviado em Terca, 20 de Julho de 2004 - 03:47 pm:   

Gostaria de entra em contato com profissionais da area aqui no Ceara, em Fortaleza, para dar aulas no SENAC. tel 4527066
falar com Regina Villela
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

sebastiao.filho
Enviado em Segunda, 26 de Julho de 2004 - 04:58 pm:   

EU ESTOU CHOCADO COMESTES COMENTÁRIOS POIS NO PRANÁ O FONO ESTÁ SENDO MUITO VALORIZADO, ALIAS PROBLEMA DE DESEMPREGO TEM EM TODOS OS LOCAIS MAS SEMPRE O BOM PROFISSIONAL, VAI ENCOTRAR SEU LUGAR!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Hudson M. Bracher Beilke
Enviado em Quinta, 29 de Julho de 2004 - 01:40 pm:   

Olá sou Estudante de fonoaudiologia da UNIMEP/Piracicaba, e acredito depois de ler os comentários referente a nossa profissão que a fonoaudiologia passa por uma crise e não digo que esta crise condiz a procura de emprego, e sim a uma desunião e desinteresse para que a profissão seja valorizada e reconhecida, o que falta para nós é divulgação na cidade onde resido (não é piracicaba) existem várias empresas de telemarkting sem fono trabalhando isso acontece devido a falta de conhecimento, a fonoaudióloga da bolsa de valores de SP entrou lá pelas próprias unhas, mandou projetos e está otimamente bem empregada, na falta emprego falta divulgação e proponho aqui um lobby fonoaudiológico, uma divulgação desgastante de todos graduandos e profissionais uma luta para que sejamos reconhecidos e só após esse embate é que diremos novamente a palavra desanimo, desespero entre outras, qualquer contato que beneficie a nossa categoria profissional estarei disposto para lutar pois só assim venceremos
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Aline Mara Oliveira
Enviado em Sábado, 31 de Julho de 2004 - 04:42 pm:   

Eu sou estudante do 3 ano do ensino médio e acho a profissão de fono linda. Estou pensando em prestar vestibular no final do ano para essa area, mas ainda tenho dúvida. Achei as mensagens acima bem desanimadoras, bem diferente das pessoas q conheci q trabalham na área, q alem d falarem q amam a profissao dizem ser muito bem sucedidas.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

kayna
Enviado em Domingo, 01 de Agosto de 2004 - 10:46 pm:   

Eu sou completamente apaixonada por essa area pretendo futuramente cursar uma faculdade de fonoaudilogia, mas o que vejo é uma grande desvalorização da area! Eu queria muito continuar ter o animo que eu tinha em fazer esse curso, porém acho que não tenho dom para outro tipo de curso! Estou desanimada!Eu tenho 14 anos e espero que essa realidade tenha mudado daqui uns 2 anos.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Erika Mantello
Enviado em Segunda, 09 de Agosto de 2004 - 11:47 pm:   

Amo minha profissão e a defendo onde e quando for preciso. Sou formada há 1 ano e 7 meses, desde então, procurei incessantemente empregos na minha região, Ribeirão preto - SP. Como n encontrei e não queria partir p ot estado sem especialização, continuei na luta, cursei especialização em audio (com bolsa), fiz aperfeiçoamento em Otoneuro no hc e depois disso consegui uma vaga no mestrado da medicina com financeamento da Capes. Tenho um currículo em termos de pesquisa de grande qualidade, mas sei que assim que terminar meu mestrado terei de ir p ot lugar se quiser um emprego realmente bom ao nível de meu esforço. Aqui na região, arruma-se empregos em audio ocupacional nos quais ganha-se uma miséria, ou propostas de montar firmas de AASIS, mas tem q investir.
Posso dizer que é muito dificil começar, tenho certeza que a recompensa vem, assim com estou conseguindo algumas propostas, porém esta profissão exige esforço, motivação, vontade de estudar muito, pois a concorrência está cada vez maior e quem não tiver aptidão e conhecimento com certeza ficará p trás.
Boa sorte a todas e lutem!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sábado, 04 de Setembro de 2004 - 12:08 pm:   

Em todos as áreas a situação está dificil, e isso não é exclusividade da área da fonoaudiologia.Para conseguir os objetivos é necessário antes de tudo tê-los bem definidos antes de sair por aí desesperada sem realmente saber o que se deseja fazer.Estou tranqüila em relação ao mercado de trabalho, pois com esforço e competência conseguiremos ser felizes e realizadas profissionalmente. A nossa valorização profissional depende unicamente de nós. Quanto mais motivação e entusiasmo pelo que se faz mais resultados positivos serão obtido. É interessante as pessoas terem a sensibilidade de começarem sua trajetória profissional da base para então se almejar o topo sem alicerce não há contrução! Não desanimo pois para quem ama o que faz consegue serv feliz pois tem condições favoráveis para o seu pleno desenvolvimento.O segredo e ir a luta sem pessimismo! Pensem nisso
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Fátima Pereira Da Silva Lora
Enviado em Segunda, 13 de Setembro de 2004 - 03:12 pm:   

Gostaria de saber como está o mercado de trabalho em Fortaleza, principalmente na área de voz profissional.
Obrigada
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

amanda
Enviado em Segunda, 13 de Setembro de 2004 - 07:59 pm:   

oi td be....bem eu estou cursando o 3 ano do ensino medio..e sou a paixonada por essaprofissao mas os comentario sao bem desanimadores..mas td bem ...gostaria de saber quanto custa em medio o curso de fono des ja obrigada
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Quarta, 15 de Setembro de 2004 - 02:10 pm:   

VÇLDSKIGTOESNDLKFPE\SFPOHSAEFM~PLES[F]Tqi0ejggdfd\02sgd
56r+967ew;tçsekroieaoeas;.;d,sofçu09ew8t8awhr,fwle~ç.,;;.~to3qworhisdjfpiesrysef rskrt3wa94AREPrdsisfg´psdtgpewps~54épo~d;~;;t0dpu90durermf;epsorpse.p=e0,´g-r,éw prew.´rdp;ep´rle.,speordepskfperls0-i.!!!!!!!!!!!!!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Terca, 21 de Setembro de 2004 - 03:16 pm:   

Não tenho do que reclamar, Graças a Deus estou muito bem empregada em uma fábrica, trabalhando com audio ocupacional, tenho uma empresa e meu consultório. Só posso posso Glorificar a Deus e Agradecer. Foi preciso muito esforço também, pois aqui onde moro ninguém conhecia FONOAUDIOLOGIA, então comecei um trabalho de divulgação da profissão e trabalhei muito de graça dando palestras em escolas e empresas, divulgando em praças e em feiras da minha cidade. Hoje tem outras fonos trabalhando aqui, pessoas que nasceram aqui , foram estudar e disseram que jamais voltariam pra cá para trabalhar, pois não tinha campo. É lógico!! que não tinha, ninguém havia falado para esse povo que a fonoaudiologia existia !
Bom, hoje com a graça de Deus tenho sustentado minha casa e minha família, e ainda pago a Faculdade do meu irmão que custa 865,00, tudo com a FONOAUDIOLOGIA.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sexta, 01 de Outubro de 2004 - 06:47 pm:   

Sou estudante do ensino Médio no Rio de Janeiro, e penso constantemente em fazer fonoaudiologia,pois tenho essa profissão como uma base para minha vida...
Faço fono há 2 anos, tive gagueira por longos tempos, mas recentemente, nesses 2 anos, procurei uma fono e hoje estou muito bem,estou caminhando para sempre melhorar!!
Aqui no RJ não tem muitas faculdades que abrangem a fonoaudiologia.. há um certo " descaso" sim.. não é uma profissão ainda requisitada e conhecida... Espero sinceramente que isso mude! A Profissão de fono tem muito a ganhar.. estudantes..formandos..atuantes, Parabéns! admiro vcs..
Diogo,RJ
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Andreza Soares
Enviado em Domingo, 07 de Novembro de 2004 - 05:05 pm:   

Sou fono, estou atuando há 4 anos e acredito que para que nossa profissão se estruture é preciso que a nossa formação seja mais realista em relação ao mercado de trabalho no que diz respeito aos conhecimentos ADMINISTRATIVOS de uma clínica ou consultório. Os fonoaudiólogos pouco entendem de custos e por isso passam a redicularizar os valores das atividades fonoaudiólogicas. Outro fator são as nossas técnicas que demoram muito tempo (em relação aos outros procedimentos da saúde)para surtirem efeito. Acredito que quando começarmos a pesquisar mais equipamentos para a musculatura oral, por exemplo, aumentará a eficiência e a velocidade dos tratamentos, com isso cobraremos mais, trabalharemos menos e seremos reconhecidos pela comunidade e outros profissionais. Obrigada.
Aguardo sugestões dos interessados sobre esses assntos.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Andreia Souza Araujo
Enviado em Segunda, 08 de Novembro de 2004 - 12:44 pm:   

francamente fiz uma pesquisa para saber mais sobre o trabalho do fono e o campo de trabalho, estou estudando fono e acho que não vou continuar pois o meu curso em Belem do Pará custa rs 936,00 e não vejo um mercado muito promissor para a minha profissao embora goste muito de fono a realidade me assusta e penso em trocar para odontologia. estou muito confusa pois pago muito caro para ficar sem emprego depois de me formar!!!!!! Não sei o que faço!!!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Josiele
Enviado em Segunda, 13 de Dezembro de 2004 - 11:10 am:   

Sou Fono, me formei este ano. Amo de paixão minha profissão,mas hoje não atuo somente como Fono, isso me incomoda um pouco, mas atualmente não posso me dar ao luxo de escolher o que fazer.Pra mim é uma profissão lindíssima e me orgulho muito de ter me formado com essa profissão.
Acredito que um dia irá melhorar.E espero que as pessoas tomem consciência do quanto é importante uma terapia, que tanta coisa pode ser amenizada ou curada; e não uma perca de tempo.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Domingo, 23 de Janeiro de 2005 - 02:09 pm:   

Pessoal, sou farmacêutica formada a 2 anos e decepcionada com a profissão. Antes de fazer farmácia, eu queria fazer Fono, mas como tinha o curso de farmácia na minha cidade e devido ao campo de trabalho, desisti do meu sonho de fazer fono. Atualmente, o campo de trabalho para farmacêutico é excelente e o piso salarial é de RS965,00/44hs (SC), o problema é que eu conheço profissionais que já estão a 10 anos no mercado de trabalho e estão recebendo este mesmo salário, ou ralando muito em finais de semana e plantòes noturnos para conseguir 200 ou 300 pila a mais. Por isso tenho interesse em ainda realizar meu sonho e fazer fonoaudiologia e entrei neste fórum para saber mais a respeito... Pelo que eu notei, no início deve ser realmente difícil para um fonoaudiólogo se estabelecer profissionalmente (o que não é difícil para o farmacêutico), porém, com os anos de experiência, é uma profissão que pode trazer muito retorno, tanto pessoal como financeiro. Abraços, e boa sorte para todos nós.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Camila Maia
Enviado em Quarta, 09 de Fevereiro de 2005 - 10:24 pm:   

Olá,
Desde de que eu descobrir esta profissão, eu busco sempre sites que informam e debatem a mesma.Este ano prestarei meu primeiro ano de cursinho, e quando disse em minha casa que farei vesibular para fono, o pessoal ficou um pouco incomodado, mas procurei e descobrir muitas coisas que minha família não sabia. EStou anciosa para entrar na faculdade e fazer parte deste curso maravilhoso que é a fonoaudiologia.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Fatima Guimaraes
Enviado em Terca, 01 de Marco de 2005 - 03:13 am:   

Pessoal! Creio que muitas pessoas nao se dao ao luxo de ir a um fonoaudiologo mesmo sendo necessidade, pois muita gente mal sabe o que faz um fonoaudiologo. Ate quando me perguntam o que estou cursando e respondo fonoaudiologia, muitas vezes tenho que repetir e ainda explicar o que faz um fonoaudiologo. Estou a recem no 2 nivel e vejo que nos mesmos, os estudantes devemos fazer a fono ser conhecida por todas as classes sociais e faze-los perceber que e muito importante para o nosso dia a dia sabermos nos comunicar corretamente, entender e sermos bem entendidos, pois a voz, a linguagem eh o nosso principal meio de comunicacao, assim como a audicao tbm faz parte desse jogo de letras.
Devemos nos empenhar desde ja para fazer a fono ser conhecida e reconhecida como uma prioridade, da mesma maneira como recorremos a um oftalmologista quando sentimos algo de errado com nossa visao. Nao adianta pensar que eh uma pena a fono nao ser tao conhecida assim e valorizada o quanto deveria. Vamos nos unir e fazer a promocao dessa profissao que eh muito importante e linda! Fonoaudiologia eh impossivel conhecer e nao se apaixonar!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Liana Lima Borges
Enviado em Quinta, 07 de Abril de 2005 - 12:33 am:   

Eu estou cursando o 3º ano do ensino médio esse ano e quero muito cursar fonoaudiologia!Alguns desses comentários a cima me desestimularam a principio mais depois vi que realmente quem vai determinar minha renda, minha estabilidade financeira sou eu e não o dado curso q eu escolher!!
Acho a fonoaudiologia um ramo lindissimo pretendo conseguir entrar no faculdade e me torna uma FONOAUDIOLOGA!!
Ah, so mais uma coisinha se alguem ai puder me informa + detalhadamente as especializaçoes possivel a um fono na Bahia!
E mais uma coisa eu também tenho problemas de adção...issu tem algum problema?
Muitissimo obrigada...
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Denize
Enviado em Quarta, 25 de Maio de 2005 - 10:16 am:   

Sou Fonoaudióloga a um ano e meio e tenho dois contratos com duas prefeituras. Estou bem! aqui meu trabalho é super valorizado. Desenvolvo projetos justamente com profissionais de saúde e de Educacao...corram atrás, mostrem nosso valor e nossa responsabilidade diante de um determinado cliente, boa sorte a todos!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Terca, 31 de Maio de 2005 - 12:07 am:   

sou fono ha 4 anos,já exerci a profissão,mas atualmente estou desempregada. A profissão é linda,mas as dificuldades encontradas por esses profissionais são maiores. Não existe oferta de empregos. Estou pensando seriamente em mudar de profissão, me entristeço muito pois o investimento foi alto, minha família abriu mão de muita coisa para q eu conseguisse me formar.Se eu pudesse voltar no tempo faria outro curso, é muita infelicidade abrir os classificados, sites de empregos e não encontrar nenhuma oferta, nada. E não adianta dizerem pérolas como: o bom profissional sempre se encaixa...ou isso se deve a falta de empenho e esforço... O fato é que fonoaudiologia não é prioridade básica em um país ainda flagelado pelo subdesenvolvimento.Não existe investimento público para esse tipo de atendimento a população nem tão pouco prioridade por parte da população na qual a classe média encontra-se cada dia mais achatada, desestimulando o esforço dos profissionais da área em investir em consultórios particulares. Já investi em consultório próprio obtendo resultado insatisfatório levando-me a custear despesas de manutenção do meu próprio bolso, apesar de todo o meu empenho, amor a profissão e apoio de meu esposo e familiares.Atualmente estudo para concursos públicos.Tenho certeza absoluta de ser uma profissional competente e dedicada,porém o mercado força-me a buscar novos caminhos.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

fagan
Enviado em Segunda, 06 de Junho de 2005 - 08:48 pm:   

Estou no quarto ano de fonopaudiologia na faculdade Uningá em Maringa, adoro o curso de fonoaudiologia espero muito do mercado de trablho depois de formada aqui ainda o mercado de trabalho émuito valorizado,porém fono ja esta saturando aos poucos.....
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sexta, 17 de Junho de 2005 - 12:06 pm:   

gostaria de saber o salario de um fonoaudiologo
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Vilma Salles
Enviado em Segunda, 11 de Julho de 2005 - 11:29 am:   

Gostaria de saber se existe alguma faculdade na zona oeste/SP para minha filha participar e tentar uma vaga com bolsa integral para Ser Fonoaudiologa e como fazer isso?
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sexta, 15 de Julho de 2005 - 01:44 pm:   

Estou extremamente insatisfeita com esse curso ja estou no 7º semestre e não encontro nenhuma oportunidade de estagio remunerado, nem as minhas amigas , é um curso que eu não recomendo.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

MAXWELL TEIXEIRA
Enviado em Sexta, 05 de Agosto de 2005 - 05:27 pm:   

A AUDIOSONIC,EMPRESA CONCEITUADA NO MERCADO EM AUDIOLOGIA BUSCA PARCEIROS PARA TRBALHARMOS JUNTOS.ATUAMOS NA AREA DE AUDIOMETRIA E REVENDAS DE AP. AUDITIVOS,AUDIOMETROS,IMITANCIO,BERA,OTOEMISSÕES,OTOSCOPIOS E TUDO RELACIONADO A AUDIO.PAGAMOS COMISSÕES A AQUELES REVENDER OU ATE MESMO INDICAR UM DOS NOSSOS PRODUTOS.PARA MAIORES INFORMAÇOES LIGUE PARA 031-32140515 BH
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Segunda, 15 de Agosto de 2005 - 11:38 am:   

Olá pessoal, gostaria de falar desta profissão, após 15 anos de formada em Fonoaudiologia, reconheço que é uma profissão interessante... Porém o campo de trabalho está quase parado. É prudente verificar quanto ao custo benefício, o investimento de tempo, dinheiro, dedicação e as ofertas de trabalho, isto em qualquer área. Um exemplo na UTP e PUC de Curitiba o curso custa mensalmente em torno de R$ 1.000,00,para 4 anos. Uma especialização em média R$ 400,00 mensais,por 18 meses. Então a Formação custará em torno de R$ 45.000,00.A especialização em torno de R$ 7.200,00. Total investido R$ 52.200,00. RETORNO? A oferta de trabalho, bem como, o sindicato em São Paulo, por exemplo, sinalização o valor para 40horas semanais um salário em torno de R$ 1.000,00, com este salário não seria viável a especialização é praticamente a metade do salário.Se trabalhar em clínica, sempre necessitará de encaminhamento, isto indica uma OTIMA ESTRUTURA, se for Audiologia, só o Audiometro custa R$ 20.000,00 e mais a CABINE valor de R$ 4.500,00, a relação com Escolas, Empresas e Profissionais da saúde e muitos convênios. Com a excassez no mercado de trabalho a competição é MUITO GRANDE.Porque mesmo com comprometimento neurológico ou grande nessidade de reabilitação da voz ou outra, as pessoas consideram que a natureza e o tempo curam e acham caro o custo mínimo das sessões. Ver tabelas de atendimento nos SITEs dos Conselhos Regionais de Fonoaudilogia. No serviço público, ainda é muito restrito e o salário é baixo, dependendo de aprovação de novas Leis(Teste da Orelhinha, Periódico Ocupacional tanto da Voz como Auditivo e outras, que exigem a presença da categoria e dos órgãos representantes muito presentes junto aos Legisladores)que exijam a presença de Fonoaudiólogos. Infelizmente considero a Classe desunida, quase cada um por si, não é a mesma coisa com a Medicina ou Odonto...ou mesmo na Psicologia. É BOM TENTAR VISUALIZAR O SEU FUTURO PROFISSIONAL, A PERGUNTA É: O QUE DESEJA PARA TEU FUTURO PROFISSIONAL ???
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Tamires Silvestre Moraes
Enviado em Quarta, 17 de Agosto de 2005 - 02:23 pm:   

Foi uma decepção muito grande ler tudo isso, sempre sonhei em fazer essa facul e agora me vejo no meio de profissionais arrependidos e desanimados, apesar de tudo isso vcs acreditam que a profissão possa ter um pico??
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sexta, 16 de Setembro de 2005 - 05:44 pm:   

Faço segundo periodo de fonoaudiologia,e apezar de ler tantas opniões desestimuladoras dei graças ao ver que apesar de tudo existem pessoas que amam a fono e estão dispostas a mudar esse quadro,emprego ta dificil pra todo mundo,nõ só pra área de fono,então não se iluda q mudando de curso vc vai sair da faculdade empregada.Eu acredito na fonoaudiologia e sei q um dia este quadro irar mudar.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Tamiris Selani
Enviado em Sábado, 29 de Outubro de 2005 - 09:31 am:   

oi..me interessei mto pela area de fonoaudiologia,estou sempre pesquisando sobre esta aréa...oq li aki me assustou um poko, regem mtas duvidas em q curso fazer, este foi o 1º curso q realmente me interessei, pretendo cursar em Franca/SP,o custo do curso é de 550,00.
Na minha cidade(Miguelópolis/SP) só tem uma fonoaudiologa. Queria mto uma opnião pois estou mto confusa. A fonoaudiologia me encantou...
Por favor me ajudem...
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Josiane
Enviado em Quarta, 09 de Novembro de 2005 - 09:11 am:   

Gente... da mesma forma que existem profissionais arrependidos na fono, existem em outras áreas. Na minha visão, o problema é que os fonoaudiólogos não são unidos e só vêm o lado ruim da profissão. Uma área que tem tantas oportunidades diferentes para se trabalhar, até com estética estamos trabalhando agora...
O fato é que não é bem assim. Eu, por exemplo, ganho 1350,00 por 28h de serviço (e estou formada há apenas 2 anos!), e no tempo que me resta, faço audio ocupacional e outras terapias. NÃO SE PODE GENERALIZAR E DESTRUIR A PRÓPRIA PROFISSÃO, conheço outras fonos que ganham bem e, assim como eu, amam o que fazem.
E para as pessoas q queiram cursar e estão na dúvida, podem me escrever, vou responder com prazer.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Robson Alfredo Lima Sousa
Enviado em Terca, 10 de Janeiro de 2006 - 03:23 pm:   

Vou me formar daki um ano e estou preocupado com o meu futuro, sou de Belém e gostaria de saber como que estar o campo aki...!!!!!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Franklin Martins
Enviado em Terca, 17 de Janeiro de 2006 - 10:58 am:   

Sou formado há 1 ano, montei meu consultório em uma cidade cercada de industrias, mas pequena, ai é show, hoje consigo tirar mais de R$ 5.000,00 mensais liquidos, mas o negócio, é vender seu serviço, ir nas empresas, prefeituras, sindicatos, etc. etc.. e fazer valer sua profissão, é o Jeito né.
abraços a todos
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Alane Casais
Enviado em Quarta, 25 de Janeiro de 2006 - 11:16 am:   

Oi, estou no 6º semestre de fono, e fiquei muito triste com os depoimentos que vi. Mas com isso não estou desanimada, concordo com a questão da desunião, pois muitos profissionais se negam a oferecer estágio ( ñ remunerado) para os estudantes.
Mas quero que todos os estudantes que lerem estes depoimentos, não tenham isso para ficarem abatidos, tomem isso como desafio.
Eu acredito no estudo e no esforço.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Viviane Maria Marins
Enviado em Quarta, 25 de Janeiro de 2006 - 03:40 pm:   

Sou formada há 16 anos , ao ler os depoimentos me entristeci com alguns relatos. Acho que há sempre trabalho para o bom profissional , além da parte academica e necessário ter uma especialização, pois a fonoaudiologia é hoje muito abrangente. Na minha opinião não dá para ser multivalente por muito tempo, chega uma hora que tem que se especializar. Outro ponto muito importante é vc saber vender o seu trabalho, entender do que faz e cobrar dignamente pelo que faz. Não adianta dizer que ganha MUITO para outros que estão ganhando menos. Acho isso de se vangloriar pelo salario um verdadeiro absurdo.
Como no depoimento anterior eu também acredito no estudo e tb no esforço.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Quinta, 02 de Fevereiro de 2006 - 12:20 pm:   

Acho a profissão muito boa mas somos quase Mdre Teresa de Calcutá, formamos com lindas promessas de um futuro maravilhoso. Pura utopia, pois na verdade trabalhamos para ganharmos pouquíssimo e se quisermos realizar terapia devemos ser voluntarios, isso se a instituiçao aceitar a sua boa ação.
Tá foda
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Segunda, 13 de Fevereiro de 2006 - 02:40 pm:   

Carga Horária do Fonoaudiólogo



No Âmbito Federal

A carga horária dos fonoaudiólogos que atuam em órgãos federais é de 30 (trinta) horas semanais e é definida pela Lei 7.626/87, a seguir transcrita.

Lei 7.626/87 (de 10 de novembro de 1987)
Fixa os valores de retribuição da categoria funcional de Fonoaudiólogo e dá outras providências.


Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Luiz Eduardo
Enviado em Terca, 21 de Fevereiro de 2006 - 09:48 pm:   

Li as mensagens mas não percebi o posicionamento dos remetentes quanto a atuação do Conselho Federal e de nenhum dos Conselhos Regionais que devem estar antenados as necessidades dos profissionais e também dos futuros profissionais que estarão à mercê das situações mercadológicas, financeiras e econômicas da profissão e do profissional... ´Creio que devam verificar o site desse conselhos e aos mesmos se reportarem de forma aberta e clara quanto as questões postas, assim como exigirem dos professores(as) ensino qualificado, dinâmico e rico para que se formem competentes profissionais assim como que exijam desses Conselhos que policiem com mais enfase as Instituições de Ensino quer seja na graduação ou na pós-graduação (especialização, mestrado, doutorado, PhD) assim como as empresas que trabalham com equipamentos e prestação de serviços nessa área....
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Adriano Goulart - São Paulo/SP
Enviado em Terca, 21 de Fevereiro de 2006 - 09:55 pm:   

Realmente, concordo com o Luiz Eduardo, se não exigirmos uma eficaz e eficiênte qualificação e aprimoramento continuados das Instituições de ensino assim como também dos docentes estaremos se omitindo e depreciando a profissão. Policiar as empresas que prestam serviços, creio, é no sentido de se exigir que tenham profissional fonoaudiólogo(a) responsável e que assim demonstrem publicamente, informando o nome e registro desse profissional em seus anúnicos, propagandas, etc.... e, também, verificarem se estão obedecendo, as empresas, as normas mínimas exigidas para realização do serviço, produção de equipamentos (Exp.: AASI)....
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Adriana Vasques - USP
Enviado em Terca, 21 de Fevereiro de 2006 - 10:04 pm:   

SUGESTÃO: Os Conselhos devem também policiar, avaliar e coordenar, de forma constante e ininterrupta, o desenvolvimento do profissional na obtenção de conhecimentos continuados e aprimoramento técnico-cêntifico constante para que a profissão seja um exemplo positivo, adeuado e inteligênte de tratar e realizar seu objetivo de forma ampla, dinâmica, ética e de efetiva qualidade. Obs.: caso o profissional não esteja realizando tal aprimoramento deve ser suspenso da profissão até retornar aos estudos continuados, como ocorrem em outros paises (Canadá, Suécia, etc)
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Ana Paula Chuengue
Enviado em Quarta, 22 de Fevereiro de 2006 - 02:08 pm:   

Eu passei no vestibular p/ Fono aqui no RJ, estou numa dúvida enorme se irei cursar Fono porque passei para Nutrição também, e pelo que pesquisei esse mercado é mais abrangente. Gostaria de saber se entre fono e nutrição qual npo meu caso seria uma melhor opção. Eu gosto mto de Fono até mais q Nutrição porém o mercado de trabalho eu ñ sei nadsa a respeito, se vcs puderem me falar algo sobre o mercado de fonoaudiologia, me ajudaria muito na minha decisão, algo que me estilmule ou q me dê uma idéia q eu possa pesar na ora da escolha.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Celma Cristina Pinto Borges Guimarães
Enviado em Terca, 07 de Marco de 2006 - 04:39 pm:   

Sou formada há cinco anos e até agora não consegui me realizar profissionalmente e cheguei a conclusão que vai demorar muito, mesmo eu tentando como sempre tentei, independente de politicos, ou o verdadeiro QI, pois infelizmente é o que ainda vemos em muitos concursos, a indicação de filhos de politicos para os cargos de fono. Estava lendo esses comentários e analisando o que um deles escreveu ...que o profissional deve dedicar e fazer uma especialização, mas como eu me pergunto se o valor é altissimo??? Fico triste em saber como somos desvalorizados como profissionais e como pagantes de um conselho que não luta pelos nossos direitos que é de valer o direito de concorrer a concursos na área de saúde ou quando tem é apenas uma mísera vaga...Às vezes me pergunto que profissão é essa, pois caros colegas estou perdendo a identidade de ser fonoaudióloga por não ter oportunidade de exercê-la, contudo ainda tenho esperança de um dia isso mudar...e eu puder falar não bem, mas muito bem da Fonoaudiologia que no ano de 1996 escolhi para a minha vida...
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sexta, 17 de Marco de 2006 - 02:46 pm:   

Por enquanto sou estudante de fono 3semestre, entrei empolgadissima no curso mas infelizmente estou pensando em fazer vestibular p outro curso, quem sabe nutricao com a qual tb me identifico bastante e acredito ter melhores perspectivas de emprego. Ainda estou mt confusa! Gosto mt da fono, mas tenho medo de qdo terminar a graduacao nao consiga emprego, pois meus pais pagam uma faculdade mt cara e se isso acontecer sera uma grande frustracao em minha vida!!! (CE)
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Valdir Barbosa
Enviado em Terca, 21 de Marco de 2006 - 12:33 pm:   

Fabricamos cabines audiométricas e acessórios para as mesmas, com preços imbatíveis pois trabalhamos diretamente ao cliente oferecemos modelos e revestimentos personalizados.

Para maiores informações entre em contato pelo telefone (11) 6111-4449 ou (11) 9434-1313 e solicite um orçamento sem compromisso, ou acesse nosso site:

http://kmoveis.vila.bol.com.br.

Kainná, um compromisso com você!!!
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

jefter gonçalves
Enviado em Quarta, 05 de Abril de 2006 - 05:24 pm:   

Ola pessoal
Minha irmã é fono se formo no final do ano passado coseguiu um emprego aparentemente bom pois ganhava bem só que ela foi demitida sem justa causa ela mora em sinop Mato Grosso gostaria de saber se alguém sabe o valor do piso salarial nessa regiao.
Se alguém souber me envie por email
jeftersantos@hotmail.com
desde já sou grato a todos
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

thamiris Nicolau
Enviado em Quinta, 27 de Abril de 2006 - 12:56 pm:   

nossa estou pensando em cursar fono mas as mensagens acima sao desanimadoras! nao sei o q faco agora..
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Domingo, 30 de Abril de 2006 - 01:33 pm:   

Acho, que tudo está muito díficil neste país e a Fono não está diferente. Porém é preciso que os Conselhos de Fono fiscalizem estes maus profissionais que estão no mercado denegrindo nossa profissão. Cobrando preços de manicure por um exame ou um processo de reabilitação para garantir (ou fingir) que estão exercendo a profissão. Pois tenho certeza que cobra 1.99 por uma audiometria não tem condições nem interesse em participar de cursos de reciclagem (congressos, seminários, etc.) então são estes profissionais que alguns estão escondidos dentro de serviços públicos (fazendo opapel de fono) não pagando nem a anuidade do conselho. Mas estão lá não deixando a classe crescer, falando mal, acabando com nosso nome de fonoaudiólogos. Somos sim importantes e eficientes e temos sim o respeito da classe médica quando nos fazemos respeitar.
Sò uma observação: Só para vocês perceberem como algumas fonos denigrem nossa profissão é só você ir num congresso de otorrinos e vão ver algumas servindo de recepcionistas com micro vestidos, maquiladas como prostitutas de ORL.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Cintia
Enviado em Terca, 09 de Maio de 2006 - 05:12 pm:   

Passei no vestibular p fono na UFSM/RS e estou super animada p o início das aulas.Tenho certeza q essa profissão é mt gratificante e se eu for uma profissional competente colherei os bons frutos da minha dedicação.N adianta só reclamar q as coisas estão erradas c n nos esforçamos p mudar a situação.Esperar q td mude d uma hora p outra sem tomar qualquer atitude n vai resolver.UM BJAUM
P OS Q AMAM ESSA PROFISSÃO...
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Laise Lima
Enviado em Quarta, 10 de Maio de 2006 - 07:51 pm:   

Josiane....realmente os depoimentos aqui deixados tem sido desanimadores.Comecarei meu curso de fonoaudiologia agora no segundo semestre e me bateu um leve desespero em relacao a continuar ou nao neste curso.Concordo plenamente quando se diz que nao é so o curso de fono que esta em precario estado de emprego, existem outras profissoes,como advocacia,tambem se encontra nesse mesmo caminho.Pelo que eu entendi vc nao se arrepende de forma alguma de ter se fonodiologa ne isso?Entao acha que num futuro proximo o mercado de emprego se expandira,ne verdade?
Gostaria de um comentario mais estimulador sobre o curso para assim seguir mais tranquila.
Obrigada
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Quarta, 17 de Maio de 2006 - 11:36 am:   

CURSO DE CAPACITAÇÃO
CETIN /UNIGRANRIO


• BRONCOASPIRAÇÃO E SUAS IMPLICAÇÕES FONOAUDIOLOGICAS


Ministrantes: Tereza françois - Fonoaudióloga, chefe do serviço de fonoaudiologia do hospital Quinta D'or e Adriana Mello - Fisioterapeuta dos hospitais Badim e Quinta D'or .
Programa:
• Anatomia e anatomopatologia do aparelho respiratório.
• Alterações funcionais do aparelho respiratório.
• Implicações Neurológicas das Broncoaspirações.
• Broncoaspirações e suas implicações fonoaudiológicas.
Data: 20 de maio de 2006 (sábado)
Horário: 09 às 17hs
Valor: R$ 100,00


INSCRIÇÃO: através de depósito bancário, após confirmação de vaga com a coordenação
FAVORECIDO: CETIN Centro de Estudos e Terapias Integradas
BANCO: Banco do Brasil Agência: 3097-x Conta corrente: 6954-x
Enviar comprovante de depósito com nome completo e título do curso escritos na folha para (021) 3461-3619 (aos cuidados de Tereza ou Carlota)

Maiores informações tels. (21) 2672-0392 / 9737-4725 / 9346-2142

Ultimas Vagas !

LOCAL: CAMPUS II LAPA
Rua da Lapa 86 - Centro - Rio de Janeiro


Coordenação: Fga. NÉLIA RHEIN E NÍVEA COSTA

Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

marcela
Enviado em Quinta, 25 de Maio de 2006 - 04:27 pm:   

Tudo que eu li nesses depoimentos são verdadeiros. SEja com relação ao desanimo, seja em relação ao amor a profissão. Eu sou formada há 4 anos e pós graduada. Tudo que eu encontro aq no RJ é "QI- quem indica".
Entro nos sites de emprego e nos classifiacdos de jornais e não encontro algo que pague pelo menos um salário digno. O problema todo é que tem profissional que aceita, fazendo com que esse salário diminua cada vez mais.Ganhava um salário para trabalhar uma vez por semana em uma clínica com crs epeciais. Fui mandada embora sabe po que? Pq queriam e conseguiram contratar outra profissional para ganhar a metade. É muito triste! Mas é a realidade. Fora o Concurso que teve a pouco tempo e ng foi chamado.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

lyzis
Enviado em Domingo, 04 de Junho de 2006 - 04:50 pm:   

Percebo que não há nenhum interesse em particular das escolas quanto a nossa atuação.Desconfio que estejam se sentindo ameaçadas .Percebo que também não há interesse das clínica médicas em contratarem nossos serviços do mesmo modo como é feito na área de fisioterapia. Percebo que não há interesse para que seja aumentado o números de vagas em concurso público.Mas percebo com bastante clareza,que atraves da fonoaudiologia,alimentei muitas almas,com muita fome de alto estima,de poder,de coragem,de liderança,de positivismo,e agora,abro esta página e encontro colegas desanimados.Não vejo outra saída senão um encontro de novas mentes brilhantes a discutir novos caminhos,e daí fazermos uma nova histótia.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Luanna Carolina Monteiro Pimentel
Enviado em Quarta, 07 de Junho de 2006 - 03:36 pm:   

Sou Fonoaudióloga, estou iniciando um trabalho de audiologia ocupacional, tenho todo material necessário para realização de audiometrias da sua empresa, e disponibilidade de viajar para o interior do estado do Pará.
Contato:-(91)9114-1280 e 8155-6551
Falar com Luanna
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

vivian
Enviado em Sábado, 10 de Junho de 2006 - 12:39 pm:   

Caras colegas,

a Fonoaudiologia é uma área que tem muitos caminhos; entretanto, muitos valorizam somente o status e o ganho. como profissional formada há 3 anos, posso dizer a respeito do quadro atual, que realmente não é animador, pois já fiz muito pela profissão e ainda não a abandonei, mas pergunto-me se é válido continuar...
a questão é muito mais ampla do que parece. primeiro, pela recomendação vocacional, porque qualquer que seja a área, a divulgação será de profissionais clássicos e bem sucedidos, que estão há anos na profissão, e não daqueles que estão na luta para conseguir um salário de fome. outro aspecto refere-se ao próprio curso, que demonstra aspectos positivos frente às possibilidades de atuação, mas não ao que efetivamente ocorre após a formação do profissional.
o conselho não oferece amparo, porque o valor da anuidade não é digno de defender seus representantes como profissionais aptos a concorrer em concursos públicos (que negam vagas ou restringem-nas a um número insignificante mediante relação concreta populacão/profissional de uma cidade!), a defender postos de trabalho em instituições privadas ou assistenciais,(e não faz senão divulgar cursos de pós graduação que não se pode pagar com o que se ganha, porque apenas promove títulos e pesquisas de profissionais vinculados ou já promovidos).
é inconcebível a idéia de que a responsabilidade é dos profissionais em atualizar-se com tão grandes esforços, além de divulgar a profissão, quando essa responsabilidade é dos conselhos e dos sindicatos nas atribuições que lhes competem, favorecendo e não dificultando as escolhas dos profissionais ao invés de repassar a obrigação deles aos profissionais que, infelizmente, aceitam a incumbência passivamente.
alegar que há bons profissionais e outros não, é real; mas justificar que os profissionais, mesmo com boa formação, não conseguem atuar por falta de capacidade, é ser conivente com uma prática segregadora da própria profissão, que há muito custo, sustenta-se. isso não quer dizer que concordo com aqueles que cobram valores irrisórios por seu trabalho, mas que apoiar uma classificação elitista dos profissionais atuantes, é desconsiderar o que está a olhos vistos. certamente não é difícil compreender que muitas vezes, alguém abandona o tratamento fonoaudiológico para pagar as contas e comer.
enquanto for tomada a visão centrada em único ponto, o profissional, num contexto onde o país passa por tão grandes dificuldades, aliado à falta de incentivo e participação legal dos órgãos competentes, realmente será mais difícil acordar e reagir mediante à situação vigente.
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

fernanda lori
Enviado em Quarta, 14 de Junho de 2006 - 12:24 pm:   

olha eu acabei de passsar no vestibular de fono aqui na bahia...e me desestimulei muito ao saber dessas opnioes...sraq q isso ira mudar?serra q havera ainda mercado para nos?
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

Anônimo
Enviado em Sexta, 30 de Junho de 2006 - 01:41 pm:   

Essa macilene da Flórida deveria aprender português antes de aprender inglês pois,o seu vocabulário é vergonhoso...
Top of pagePrevious messageNext messageBottom of page Link to this message

mildenir
Enviado em Sábado, 15 de Julho de 2006 - 09:37 pm:   

me formei o ano passado, mesmo com poucos recursos tenho uma clinica com um medico ocupacional. a minha maior dificuldade no mercado de trabalho são os ABUTRES PROFISSIONAIS QUE COBRAM 3,00 POR AUDIO OCUPACIONAL. me recuso a me igualar a essa gentinha. nao cobrem menos que 15,00 por audio (por favor) "SE VALORIZEM"

Adicione sua Mensagem Aqui
Mensagem:
Nome de Usuário: Instrução para envio:
Esta é uma área pública de envio de mensagens. Coloque seu nome de usuário e senha se você possui uma conta. Senão, coloque seu nome completo no campo de nome de usuário e deixe o campo de senha em branco. Seu endereço de E-Mail é opcional
Senha:
E-mail:
Opções Enviar como "Anônimo"
Habilitar código HTML na mensagem
Ativar automaticamente URLs na mensagem
Ação:

Tópicos | Último Dia | Última Semana: | Árvore de Navegação | Busca | Ajuda/Instruções | Créditos do Programa Administração